Amanhã, onde vamos?
Parque Biológico de Gaia

Parque Biológico de Gaia

Se gosta da natureza, de ambientes rurais e de animais tem mesmo de visitar o Parque Biológico de Gaia. Como é que não vim aqui antes? Foi esta a pergunta que fiz algumas vezes durante o percurso.

Situado em Vila Nova de Gaia, nas freguesias de Avintes e Vilar de Andorinho, o Parque Biológico, estende-se pelo vale do rio Febros e esconde dentro de si uma deslumbrante paisagem. Sozinho, com amigos ou em família este passeio será certamente inesquecível. Com crianças será ainda mais especial.

O Parque Biológico de Gaia, abriu portas no ano de 1983, com apenas 2 hectares. Cresceu ao longo dos anos, contanto atualmente com um espaço de 50 hectares, com cerca de 3 km de percurso. O objetivo do Parque Biológico é mostrar aos seus visitantes a natureza próxima da cidade, mostrar a flora selvagem (sem fazer deste espaço um jardim botânico), mostrar a fauna (sem fazer deste espaço um jardim zoológico). Ao longo do Parque há uma aparente desorganização espacial, propositada, resultante da recusa do modelo de jardim ou parque formal.

Ao longo do percurso todos os sentidos ficam mais apurados. Há tanto para ver, escutar, sentir… Além da fauna selvagem e da flora espontânea, poderá observar campos de cultivo, caminhos vicinais, casas rurais, muros, noras, moinhos, ribeiros… Adoramos estar em contacto com a Natureza tal como adoramos animais, mas todos os vestígios rurais existentes neste Parque Biológico tornam este espaço ainda mais bonito.

Estivemos no Parque Biológico cerca de 3 horas. Paramos muitas vezes para apreciar os animais e as plantas bem como para fotografar. No entanto, viemos embora com a sensação de que havia muito mais para ver e contemplar. Contemplar é algo que requer tempo. Por isso, teremos de voltar!

Neste Parque Biológico existe  um Centro de Recuperação que acolhe animais selvagens feridos e lhes dá todos os cuidados necessários para que possam ser devolvidos à Natureza. Este serviço funciona no âmbito de um protocolo com o Instituto de Conservação da Natureza e das Florestas e da Direcção-Geral de Veterinária. Não é possível os visitantes entrarem nestas instalações, no entanto é possível observar à distância os animais.

Chamamos à atenção para o Biorama que é um complexo de exposições que tem por objetivo reconstituir vários biomas – savana, floresta tropical, dunas e ambiente no período mesozóico. Pretende-se que através da visita ao Biorama se possa compreender melhor a história, ecologia e biodiversidade do planeta Terra.

O percurso de descoberta da natureza do Parque Biológico abre às 10h00 e encerra às 17h00. A bilheteira encerra meia hora antes da hora indicada para fecho do parque. O bilhete para adulto custa 3 euros.

Quando for visitar o Parque Biológico de Gaia não se esqueça de:
– Respeitar a Natureza/Plantas/Animais
– Levar calçado confortável
– Levar máquina fotográfica ou telemóvel (será pouco provável não ter vontade de registar algumas das inúmeras belezas deste Parque Biológico)
– Levar chapéu se estiver sol; guarda-chuva se for num dia em que haja o risco de precipitação (o que foi o nosso caso, e não, não tínhamos guarda-chuva)
– Levar água
– Levar paz na alma. No entanto, se entrar sem essa paz, rapidamente será vacinado por ela.
Desejamos-lhe um excelente passeio 🙂

Passeio realizado em Fevereiro de 2018

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Back to Top